destaque,

Chefe da Haas critica Grosjean e reserva que surtou na F2 e admite que tem dedo podre pra escolher piloto

7/10/2018 F1 Fanático 0 Comentarios


A Haas pode até ser uma Ferrari B, mas tem visto vários pontos sendo desperdiçados pelas atuações de Romain Grosjean. No GP da Inglaterra, ele em mais um arroubo otimista tentou  passar Carlos Sainz, que esqueceu da regra de não dividir curva com o Grosjean e ambos foram para fora da pista. E Gunther Steiner não pode nem trocá-lo pelo seu piloto reserva Santino Ferrucci, que surtou na F2, batendo no companheiro de equipe de propósito e ainda levou o carro para os boxes no fim da corrida sem uma luva e o celular na mão (?)

Com isso, Gunther (que não é aquele guntherzão da massa) lamentou suas escolhas para pilotos da equipe:

"É oficial, eu tenho dedo podre para escolher piloto.Para você ter ideia, o melhor piloto da equipe é um cara que não liga em morrer para não perder posição. Outro toda corrida dá prejuízo para nós, já aguento mais essas desculpas dele, de que está em uma maré de azar. Ele é manetão mesmo! E o meu reserva, bate no companheiro de equipe de propósito, dirige um F2 com celular não e foi suspenso por quatro corridas. Vou chamar o Gene Haas para escolher os pilotos a partir de agora"

Gunther espera que em 2019 a Ferrari seja parceira e empreste um piloto para eles: "Estamos aceitando qualquer um deles. Acho que até o Danill Kvyat tá valendo. Qualquer coisa a gente demite e o Max Verstappen ganha mais uma corrida" concluiu

Postagens Relacionadas

0 comentários:

Anterior Página inicial Proxima