Bernie Ecclestone,

Liberty Media tira Bernie Ecclestone da F1 e grupo americano pode ser canonizado

1/23/2017 F1 Fanático 0 Comentarios


Um dia para não se esquecer. Todo mundo pensava que Bernie Ecclestone estaria no comando da F1 até 2145 já mumificado, mas mandando a F1 correr no Omã em uma pista desenhada por Hermann Tilke - que também viverá para sempre fazendo circuitos de merda -, ficou embasbacado ao saber que Tio Bernie foi gentilmente convidado a se retirar do seu cargo de ditador supremo da F1 pelo grupo americano Liberty Media.Algo que está sendo considerado por mito fãs de F1, um milagre:

"Eles tiraram o Bernie, cara! é como se a Liberty fosse o Moisés abrisse o mar vermelho e tirasse nós, o povo dos amantes da F1, do comando de Ramsés, que é o Bernie" Exemplificou um fã que saiu nu pelas ruas gritando, "o Bernie Saiu, p*rra!" 

"Nós somos americanos, e tirar ditadores do poder à força é nossa especialidade" Afirmou o CEO da Liberty, Chase Carey. "Mas ele vai ficar como presidente honorário, só pra não dizer que saiu com nada"

O mundo da F1 sentir os ventos de mudança rumando para GPs tradicionais e o fim de Gps no Azerbaijão e no Cambodja, Grupos de discussão já creditam mais alguns milagres à Liberty Media e se em 2017 a temporada for maravilhosa, com corridas emocionantes e disputadas, será cogitada a canonização do grupo pelo Papa Francisco.


Oremos! 

Postagens Relacionadas

0 comentários:

Anterior Página inicial Proxima